Secret Landscape

 

 

 

Distante a olhar secreta,

   Inquieto

      O movimento que desmente

      A linha desvenda

   O rodopio do espaço

Enquanto a mão desprende o corpo,

      Obsceno

   O cio se tece

 

                        Sombreando

   Pela terra densa

O segredo que ao olhar acena,

E acerca nesse nem onde,

   Intenso

      O desejo que distende a linha

                                        Tala

 

      A dispersão da tela

Quando na mão o som encena,

      Obsceno

 

O segredo que ao olhar se entende.

 

 

Alan Nuttall

 
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s