Lágrima de Preta

Photobucket - Video and Image Hosting

 

Encontrei uma preta
que estava a chorar
pedi-lhe uma lágrima
para a analisar.

Recolhi a lágrima
com todo o cuidado
num tubo de ensaio
bem esterilizado.

Olhai-a de um lado,
do outro e de frente:
tinha um ar de gota
muito transparente.

Mandei vir os ácidos,
as bases e os sais,
as drogas usadas
em casos que tais.

Ensaiei a frio,
experimentei ao lume,
de todas as vezes
deu-me o que é costume:

nem sinais de negro,
nem vestígios de ódio.
Água (quase tudo)
e cloreto de sódio.

 

(António Gedeão)  Poesias Completas

 
 

2 thoughts on “Lágrima de Preta

  1. Sou a primeira hoje!!!! É que vim correndo te ver !!
    Adorei o poema !!! Lindo mesmo!!!
    Quero deixar um beijo especial p este amigo tão especial!!!
    Que sempre no meio da noite tem um tempinho p mandar uma flr p mim!!!
    Obrigado pelo carinho!!!
    Beijosd…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s